Quarta Fase da Jornada Mídiamor

Essa fase é um convite para a força. Para a coragem. Um chamado para sua essência despertar da maneira mais bonita, com vulnerabilidade para ela ser tudo o que ela É. Você tem coragem de viver a sua verdade? Esses nove passos vão te ajudar.

DESAFIO 28: Reconheça 3 qualidades suas

Já aprendemos a driblar melhor as armadilhas do ego e agora estamos mais preparad@s para acessar a nossa verdadeira essência, com todos os seus defeitos e qualidades!

Já parou pra pensar que temos que ser vulneráveis até para aceitar elogios de forma verdadeira?

Hoje, pense em 3 qualidades suas. Depois peça para um amigo fazer a mesma coisa, pensando em 3 qualidades suas também. Repare se elas são iguais ou se alguma te surpreende.

Vamos começar a trabalhar a vulnerabilidade nessa fase 4 – precisamos de corações abertos e muita sinceridade! 

E uma reflexão extra para esse desafio: se eu te pedir para pensar em 3 defeitos, o que ficou mais fácil de fazer?

Psiu, quero te fazer um elogio! Você sabe aceitar? Quais qualidades seus amigos reconhecem em você? 

Você sabe o que significa ser vulnerável? A gente te explica no caminho:

E afinal, o que significa ser vulnerável? Passa para o lado e veja alguns mitos X verdades sobre a vulnerabilidade. É coragem, é entender que a conexão profunda só pode vir da verdade do coração de cada um – do jeito que ela vier. Vamos falar muito disso nessa fase 4!

Nosso livro do dia é leitura obrigatória pra fase 4!  Tipo livro paradidático, rs. A Coragem de Ser Imperfeito, de Brené Brown, mostra que vulnerabilidade não é uma medida de fraqueza, mas a melhor definição de coragem. Quando fugimos de emoções como medo, mágoa e decepção, também nos fechamos para o amor, a aceitação e a criatividade. 

Conta pra gente: o que você achou desse desafio?

DESAFIO 29: Acalme sua maior preocupação

Colocando a vulnerabilidade em prática!

Escreva um bilhete com sua maior preocupação atual. Abra seu coração, cava fundo aí dentro! Você pode se empolgar e escrever mais de uma preocupação também…

Depois, observe sua diálogo interno quando você pensa nisso que te deixa preocupado. Consegue perceber como você fala consigo?

Imagine que um amigo querido está com essa mesma preocupação, e diga pra você mesmo o que diria a esse amigo.
Com isso estamos treinando expressar o que está dentro da gente e também a tratar nossos sentimentos e preocupações com o tato de quem se importa, com palavras de afeto e positividade.

Ser vulnerável também é sobre praticar a autocompaixão.

Como você fala consigo mesmo? Consegue praticar a autocompaixão? Olha só essas dicas pra você conseguir fazer mais isso!

Nosso combo para você ter mais coragem de ser quem você é por inteiro:

No desafio de hoje, estamos falando de preocupações. Separamos aqui 7 dicas da Jornada pra vocês amenizarem os “e se’s” e medos ✨ Qual delas você já pratica? E qual mais sente que pode te ajudar?

TED do dia: O Poder da Vulnerabilidade, com Brené Brown. Talvez você seja uma das 50 milhões de pessoas que já assistiram e foram impactadas 😅 mas se ainda não viu: VEJA! Tem legendas em português e vai com certeza revolucionar sua perspectiva sobre vulnerabilidade e coragem.

Conta pra gente: o que você achou desse desafio?

DESAFIO 30: Escreva uma carta de auto-perdão

Nesse exercício, vamos abrir nosso coração e praticar o auto-perdão. Escreva uma carta de perdão a si mesmo, por tudo que você sente que poderia ter sido mais compassivo.

Pode ser por algum erro que te faz sentir culpad@, pode ser por alguma escolha que você tenha feito e não se perdoa por isso ou pode ser por ter passado a vida construindo uma autoimagem que você não gosta. Vamos compreender que já erramos sim, e nos arrependemos sim, mas isso não nos caracteriza hoje. Assista o vídeo e temos certeza que vai te fazer muito bem (mesmo se você não perceber na hora).

Perdoe. Comece por si mesmo.
Deixa ir, libera. Abra espaço pra novas alegrias. Limpe a alma, lave o ontem.
Se livre do peso da culpa.
Perdoe. O amanhã é novo de novo.

Hoje é dia de se perdoar. A vulnerabilidade começa na esfera individual e é de se espantar o quanto o ser humano se esconde até dele mesmo.

Ingredientes para você curar suas mágoas:

Repita esses 9 mantras pra si mesmo! Eles vão te ajudar a ter calma, cultivar a auto-compaixão e, consequentemente, te levar pra um caminho de cura e paz. 

Dica de livro do dia: Autocompaixão, de Kristin Neff. Tantas obrigações diárias nos levam a pré-julgamentos e análises rigorosas sobre nós mesmos e os outros. Boa parte delas cruel e injusta. No livro, a autora fala sobre a autocompaixão e a necessidade do autoconhecimento como fonte geradora de empatia entre os seres humanos 💜

Dica de documentário pra essa tarde de sábado: Maya Angelou – E Ainda Resisto. A vida da poeta e ativista, que faria 92 anos esse ano, é celebrada através de suas próprias palavras, além de documentações e imagens raras. Ela é um exemplo de coragem e vulnerabilidade, vale a pena assistir! 

Pense rápido e use seu caderninho de anotações 🙂

Conta pra gente: o que você achou desse desafio?

DESAFIO 31: Faça uma lista de lugares para chorar

Você leu certinho 🙂 Faça uma lista de lugares bons pra chorar.

Está tudo bem ter esse porto seguro. É importante. Se vamos falar sobre verdadeira vulnerabilidade, vamos reconhecer nossa necessidade de liberar nossas emoções e sentimentos.

Não precisamos ter força sempre. Não precisamos aguentar tudo sempre. Podemos desaguar. E podemos ter lugares especiais para serem nosso refúgio em tempos nublados.

Quais são os lugares, ou até mesmo colos e pessoas, em que você se sente confortável e seguro pra chorar, desabafar, se expressar? 🖤

Onde ficam seus portos seguros quando você precisa desaguar a dor e o sofrimento que apertam o peito?

Inspirações do desafio:

Tá sentindo intensamente esses dias? Algo que anda pesando, ou incomodando? Um pensamento constante que, ainda que você tenha consciência de que não é parte de você, ainda dói?
Isso é normal. Faz parte da vida. Separamos uma receitinha pra você se aquietar, se expressar e curar. Passa pro lado 🖤

7 Regras do Amor Próprio

Compilamos 7 dicas de vários conteúdos da Oprah que demonstram o amor próprio:
1) Tenha completa responsabilidade sobre sua vida
2) Acredite em você (na narrativa certa!)
3) Não existe erro!
4) Medite diariamente
5) Cuide do seu templo
6) Mantenha sua energia em alta, consuma o que é saudável e positivo
7) Tudo começa e termina com VOCÊ!

Já vimos que:
1) Vulnerabilidade é sinônimo de CORAGEM
2) Ser vulnerável não te torna “idiota” ou “ridícul@” numa situação
3) Se a outra pessoa não soube aceitar ou lidar com sua vulnerabilidade, isso tem a ver com a bagagem DELA. Perdoemos e não desistamos de ser vulneráveis com quem confiamos.

Que outro insight você aprendeu?

Um lembrete para todos os seus dias. Anote em algum lugar que você sempre possa visualizar, se precisar 🙂

DESAFIO 32: Converse sobre seus medos

Converse com alguém sobre um medo seu. No desafio de ontem, conversamos sobre lugares seguros para chorar, desabafar e se expressar.

Hoje vamos colocar em prática essa vulnerabilidade nos nossos relacionamentos. Seja com seu parceiro/a, pais, amigos próximos ou com quem preferir… se abra sobre um medo seu que pra você é importante de ser expressado. Não existe “grande” ou “pequeno”, qualquer coisa que esteja em seu coração.

Qual é o “mas” que te impede? Quem não se abre, pode até se proteger de possíveis decepções, mas também se fecha pro melhor da vida, pra conexões profundas e verdadeiras.

O “mas” que tanto te segura, é a ponte pro outro lado da sua zona de conforto. Atravessa!

Onde ficam seus portos seguros quando você precisa desaguar a dor e o sofrimento que apertam o peito?

Dicas preciosas para você:

dia32relampago

Desenhe ou liste suas imperfeições. Sem vitimismo, sem exageros, e sem egoísmo envolvido. Desafiador né?

SPOILER: suas imperfeições são as coisas que fazem você ser VOCÊ. Bora botar a verdadeira vulnerabilidade em prática!

Filme do dia: Milagre Na Cela 7! Quem já assistiu? Esse filme, original da Netflix, conta a história de um pai solteiro com deficiência intelectual que vive em um vilarejo da Turquia com a filha e a avó. Querido por todos, ele acaba preso injustamente e a trama desenrola a partir daí. Se você tá pront@ pra se emocionar, vulnerabilizar e derrubar umas lágrimas, fica nossa indicação!

Conta pra gente: o que você achou desse desafio?

DESAFIO 33: Declare seu amor para alguém

Inspire-se para criar a sua (1)

Ama alguém?! Provavelmente, né?

Então verbalize a uma pessoa querida o quanto você a quer bem, e porque ela é importante na sua vida. Vulnerabilidade também é isso: ter coragem de dizer o quanto você ama alguém!

As palavras têm muito poder sobre as pessoas. Mesmo que seja difícil para você, adquirir o hábito de expressar os sentimentos que as outras pessoas te despertam fortalece sua coragem de ser quem você é e pode ajudar na comunicação e na cumplicidade das suas relações.

Assiste o vídeo de hoje que tá INCRÍVEL! ❤

Por que será que algumas pessoas têm dificuldade em falar “eu te amo”? Como superar esse medo?

Para você refletir:

Já ouviu falar da Escala AIRS? O objetivo é medir o nível de autenticidade em relacionamentos. Algo que foi concluído é que uma das chaves para o bem-estar social na população é precisamente que os indivíduos sejam capazes de praticar a honestidade pessoal.
Passa pro lado pra ver os 9 itens que compõem a escala “AIRS” e que podemos responder com um “sim” ou um “não”.
O ideal é que alcancemos a autenticidade equilibrada ou a capacidade de se expressar em liberdade e com respeito, levando em consideração tanto as nossas necessidades quanto a dos demais.
Temos que tomar cuidado com a autenticidade egocêntrica ou a tendência mais extrema em que podemos cair no egoísmo ou agressão ao priorizarmos a nós mesmos a ponto de machucar ou ofender os outros.

Documentário pra você assistir hoje: HAPPY – Você É Feliz? 😄 Combinando a sabedoria de diversos povos com as descobertas da ciência moderna, Roko e o produtor Tom Shadyac buscam entender como a felicidade se desenvolve em cada um de nós e como é possível ter “resiliência” e viver dias mais felizes apesar das adversidades que enfrentamos. Um ótimo conteúdo pra fase em que estamos. 

Quais são as linguagens do amor?

Ative a sua legenda para o que os outros sentem, porque o amor arranja váaaarias formas de se comunicar, sabia? ❤️🧡💛 Quais são as suas linguagens do amor?

Onde você tem buscado conexão consigo mesm@? Por onde você tem se expressado? Alguma forma de arte, em diálogos com pessoas queridas, em momentos de silêncio sozinh@… Queremos saber o que tem te mantido centrado, conectado, atento.

Conta pra gente: o que você achou desse desafio?

DESAFIO 34: Pratique o perdão a alguém

Sente que precisa perdoar alguém?

Escreva uma mensagem para essa pessoa dizendo como você se sentiu (e escolha se vai mandar ou não). Só o escrever já vai e ajudar a organizar as ideais e praticar sua vulnerabilidade de acessar dores e mágoas dentro de você.

Estamos criando espaço para você conseguir perdoar a si mesm@ e aos outros, para que sua essência tenha cada vez mais coragem de brilhar a luz que mora nela. O que não é iluminado, fica escondido nas nossas preocupações, medos e crenças. Quando a gente tem consciência das nossas sombras, a mudança realmente começa a acontecer.

Perdoar para se libertar. Perdoar para se curar. Perdoar para aumentar a capacidade de sentir compaixão! ♥️

Para você ampliar sua capacidade de perdoar:

Dica de documentário do dia: Efeito Sombra. A nossa sombra nos impede de ter uma auto-expressão plena, de dizer a verdade, de viver uma vida autêntica. Só quando abraçamos a nossa dualidade é que nos libertamos de comportamentos que potencialmente nos podem fazer mal. Se nós não reconhecermos tudo o que somos, é garantido que vamos ser apanhados de surpresa pelo efeito da sombra. 

Trecho do emocionante documentário Human. Cada um só sabe o que aprendeu.

Qual a forma de amor que você está demonstrando pra aqueles à sua volta? 

Conta pra gente: o que você achou desse desafio?

DESAFIO 35: Tenha coragem de pedir ajuda

Peça ajuda para algo que você sente que poderia ser melhor se alguém te ajudasse.

Somos melhores junt@s! Sempre tem algo em que, com o outro ajudando, podemos ir além. O que é esse algo pra você? Uma atividade específica? Uma área do conhecimento? Uma habilidade que te falta? Ou tem uma pessoa que é especialmente difícil pedir ajuda?

Todos nós vamos mais longe quando nos apoiamos nas nossas forças e talentos, somando e multiplicando resultados. O que acontece muitas vezes, é a falta de vulnerabilidade para se pedir ajuda quando necessário. Orgulho, ego, vergonha e outros fatores falam mais alto, podendo até nos prejudicar.

Você sente que sabe, verdadeiramente, pedir ajuda quando precisa?

Você tem dificuldade de pedir ajuda pra alguém? Tem algo com que você não consegue lidar sozinho, mas sente até vergonha de pedir socorro? 

Um pouquinho mais de dicas para você:

Dica de TED Talk de hoje: Pedir ajuda é sinal de força, não de fraqueza. “Todos passamos por desafios, alguns você pode ver, a maioria não”, diz Michele L. Sullivan. Em uma palestra sobre perspectiva, ela compartilha histórias cheias de sabedoria, e nos lembra que todos fazemos parte das estruturas de apoio uns dos outros. ❤

A auto-aceitação, que envolve todo o pacote de quem somos, qualidades e defeitos, permite que nos vejamos de forma mais clara. Daí então, a partir dessa claridade e sabedoria de saber de enxergar e aceitar, vem a mudança que será realmente benéfica pra nós. É um paradoxo, né? Apenas com a aceitação do que se É, pode se mudar para vir a ser ainda melhor.

Conta pra gente: o que você achou desse desafio?

DESAFIO 36: Meditação para soltar o controle

Meditação guiada para soltar o controle das coisas.

Quem não precisa, minimamente, dessa meditação, né?

Já estamos fechando a Fase 4, aonde vulnerabilizamos muito! Esperamos que você tenha tido mais coragem de viver e enxergar suas verdades, sombras e luzes.

O nosso convite final é: vamos parar de tentar controlar tudo, inclusive o nosso ego e nossas máscaras? Coloca o play no vídeo para sintonizar sua presença e sua essência!

Deixar ir para a vida fluir 🙂 Tire uns minutinhos para praticar essa meditação. O primeiro passo para construir um mundo melhor é começar pela gente 😌

Últimas inspirações para você vulnerabilizar:

Últimas reflexões da Giulinha sobre vulnerabilidade. Vale a pena assistir para você ter mais coragem de abrir seu coração!

Ficar vulnerável é um risco que TEMOS que correr se queremos experimentar conexão! Conversamos muito sobre isso aqui na fase 4. O caminho de um coração a outro é tudo menos linear! Temos defeitos, arrependimentos, verdades a serem ditas… tudo isso é substância para conexões profundas. Permita-se vulnerabilizar! 

Nossa dica pra leitura de hoje é: Você Poder Curar Sua Vida, de Louise Hay. A teoria revolucionária da autora se baseia no princípio de que somos responsáveis por nossas experiências, e que doenças do corpo têm origem em nossos padrões mentais. Assim, se as pessoas se livram da culpa, dos ressentimentos, da autocrítica e dos rancores acumulados, podemos eliminar até mesmo as doenças mais graves. O método para isso consiste em identificar as causas mentais dos problemas físicos e de superá-las por meio de meditação e exercícios específicos. O livro traz uma completa lista de distúrbios de saúde, com a causa provável e as afirmações de cura correspondentes. 

Dizendo tchau pra fase 4, esperamos que até aqui vocês já tenham feito as pazes com as sombras, compreendido o que te serve e o que pode ser usado ao seu favor, e igualmente compreendido do que você já pode, pacificamente, desapegar.

Preparad@ para a fase 5? 🙂

Conta pra gente: o que você achou desse desafio?

O que já caminhamos na nossa Jornada:
Criando + conexão 80%